8 dicas para você se eleger síndico


A eleição de síndico é um importante instrumento que deve ser utilizado para a escolha de representantes em qualquer condomínio, seja ele comercial ou residencial. Entre outras dicas para se eleger síndico – que vamos detalhar logo mais, lembramos que simples indicações de cargo ou sorteios entre os candidatos não possuem valor legal.

 

O síndico sempre deverá ser legalmente eleito, para ter seu cargo legitimado. Os interessados a em assumir como síndico podem ser os próprios condôminos ou um síndico profissional. Importante destacar que eles não podem ter CPF negativado nos órgãos de proteção ao crédito, caso o condomínio adote a regra do síndico ficha-limpa.

Veja também:

 

Além do síndico, a eleição também pode ser utilizada para a escolha de um conselho fiscal, que deve ser formado por três moradores. Estes terão que dar parecer sobre as contas do síndico, como função principal.

 

8 dicas para você se eleger síndico

dicas para se eleger síndico do condomínio

1. Informe-se

Informe-se sobre a gestão do condomínio, como ela funciona e como está caminhando. Os principais problemas e desafios a serem vencidos, antes de pensar em se candidatar ao cargo de síndico, são imaginar-se à frente das questões condominiais e tentar vislumbrar como você as resolveria;

 

2. Certifique-se

Uma vez decidido a candidatar-se, certifique-se de que você tem boas razões para isso. Que seja, atuar de forma abnegada e sincera, que realmente colabore com a comunidade condominial, procurando soluções para os problemas e desafios. E nunca para resolver problemas pessoais que possam haver com outros condôminos;

 

3. Pense bem

Pense se, no caso de reeleição, mesmo que você não tenha imaginado essa possibilidade, seus apoiadores poderão fazê-lo. Leia mais:

 

4. Estude

Leia com atenção a convenção do condomínio e artigos que regem esse segmento do novo Código Civil (também conhecidos como nova lei dos condomínios) para entender melhor as peculiaridades. Esta pesquisa é fundamental para você avaliar se tem mesmo condições de realizar as tarefas demandadas pelo cargo.

Uma boa dica é começar por este post:

 

5. Planeje

Desenvolva um plano de ação, consistente e de acordo com seu tempo de mandato. Não se esqueça de pensar em uma transição pós-mandato, para quem assumir em seu lugar ter facilidade de “tocar” o condomínio;

 

6. Aprenda a ouvir

Saiba ouvir os candidatos de outra chapa ou mesmo condôminos individualmente que estejam se apresentando à eleição. Eles podem ter ideias valiosas ou que, no mínimo, complementam suas ideias;

 

7. Use o bom senso

Se permitido panfletar, distribuir santinhos, fixar faixas e cartazes, use sempre o bom senso. Respeite a privacidade de seus “eleitores” e as diferenças de opinião, opções e orientações de cada um. Principalmente, veja direitinho onde é ou não é permitido fazer propaganda, e de que tipo;

 

8. Auxilie

No dia da assembleia, é de bom tom auxiliar os trabalhos de forma transparente, compromissada, colocando-se à disposição e aceitando o resultado apurado. Excelente postura é, uma vez vencido, colocar-se à disposição para ajudar a equipe eleita da mesma forma. Afinal, o condomínio é de todos e cada um dos condôminos ajuda a pagar a conta no final.

 

Como se candidatar para a eleição de síndico

dicas para se eleger síndico do condomínio

No caso de haver apenas um candidato nas eleições, apenas se apresente à assembleia na qual será realizada a votação.

 

Entretanto, se houver mais candidatos, é recomendado promover campanhas demonstrando suas propostas de melhorias aos condôminos para que eles possam tomar a decisão e eleger com segurança um dos candidatos.

 

Só poderão participar da votação, os proprietários que não estejam inadimplentes. Locatários não participam do processo de votação, a não ser que tenham uma procuração com a autorização do proprietário do imóvel locado. O síndico eleito ficará no cargo por prazo não superior a dois anos – período que pode ser renovado.

 

O procedimento para se candidatar a síndico não é complexo. Entretanto, caso eleito, você precisará apresentar dedicação e comprometimento com as rotinas inerentes à função.

Um bom começo passa por estes posts:

 

Gostou? Então, continue acompanhando nossos artigos para saber mais sobre dicas que vão auxiliar bastante sua gestão como síndico!