papel dos condôminos nas obras do condomínio

Qual o papel dos condôminos nas obras do condomínio?

Obras são sempre complicadas. Imagine administrar a obra para o condomínio todo! Veja como os condôminos podem ajudar nas obras do condomínio.

Todo mundo já fez obras em casa pelo menos uma vez na vida, e sabe como é complicado. Imagine, então, administrar a obra para o condomínio todo (às vezes, com centenas de unidades)? Tudo isso é responsabilidade do síndico, o que pode se tornar muito difícil para ele.

 

Isso porque todas as outras responsabilidades do síndico não param durante a execução da obra. Além de cuidar dos funcionários, da manutenção condominial e tudo mais que lhe compete, soma-se a responsabilidade em cuidar da obra.

Além disso, tudo tende a demandar muito tempo, já que obras no condomínio tendem a ser grandes, como a restauração da fachada, ou a impermeabilização de uma área comum, por exemplo.

 

Veja nosso vídeo completo sobre o papel dos condôminos nas obras do condomínio:

 

 

Muitas coisas devem ser feitas pelo síndico para possibilitar uma obra. Seja combinar o acesso pelos apartamentos para chegar às marquises, por exemplo, ou levantar fornecedores e tomar orçamentos, todos os itens demandam tempo do síndico.

E ele, muitas vezes, não tem os conhecimentos específicos que cada obra exige.

 

Por este motivo, muitos condomínios tem optado por formar comissões de obras.

 

Comissões de obras em condomínio podem ser uma ótima solução

papel dos condôminos nas obras do condomínio

 

Para formar a comissão de obras, o síndico deve convocar uma assembleia especificamente para este fim.

Caso não haja previsão em Convenção, a eleição se dá por maioria simples.

 

O número de condôminos na comissão varia conforme o tamanho da obra, e também conforme a disposição dos moradores em ajudar.

Geralmente se escolhem moradores com conhecimentos em áreas correlatas, já que é fácil achar em um condomínio alguém com conhecimentos em elétrica, um arquiteto, um engenheiro, um advogado ou um construtor, só para citar alguns exemplos.

Após se voluntariarem, ou mesmo serem indicados, os moradores são eleitos em assembleia para formar a comissão.

É nessa mesma assembleia que se decide a função da comissão: o que os moradores da comissão irão fazer? Eles serão autorizados a tomar orçamentos em nome do condomínio? Eles serão autorizados a fiscalizar as empresas também?

Tudo deve constar na ata da assembleia.

 

O que o condômino pode fazer quando há obras no condomínio? Veja algumas dicas:

Se você é condômino, veja como pode ajudar nas obras do condomínio:

 

1. Não cobre tanto do síndico, coloque-se no lugar dele

papel dos condôminos nas obras do condomínio

 

Há sempre muito o que fazer em uma obra e, quando é no condomínio, ela tende a ser mais complicada ainda, devido ao tamanho e ao número de pessoas envolvidas.

Por isso, tente ser um pouco menos crítico com o síndico, que isso ajudará a obra a transcorrer de uma forma mais tranquila, e até mais rápida.

 

Logo, logo, a obra acaba e tudo volta ao normal no condomínio.

 

2. Faça parte da comissão de obras

papel dos condôminos nas obras do condomínio

 

Proponha-se a fazer parte da comissão, especialmente se você tem algum conhecimento específico, ou se tem experiência com obras.

Vale a pena fazer esse esforço e ajudar o condomínio, afinal, o condomínio é de todos. Fazer parte da comissão irá fazer bem para você e para o seu bolso também.

 

Se você tem mais facilidade em tratar com fornecedores, por exemplo, você pode ficar responsável por essa área.

Você pode ainda tomar orçamentos e buscar novas soluções e tecnologias, afinal, há novidades em construção civil saindo todos os dias! E é preciso que alguém ajude o síndico a levantar tudo isso.

 

3. Ajude a analisar contratos e a documentação

papel dos condôminos nas obras do condomínio

 

Já se você é advogado, ou tem experiência com contratos, pode ajudar a elaborá-los e a revisá-los.

 

4. Ajude na fiscalização da obra

papel dos condôminos nas obras do condomínio

 

Muitas vezes, o síndico pode não ter agenda. Se o síndico não morar no condomínio, pode ser ainda mais complicado de acompanhar a obra.

Então, se você tem maior disponibilidade de horários, disponha-se a ajudar o síndico a fiscalizar.

Isso pode se dar desde a chegada dos materiais, para ver se está tudo conforme a especificação, até a execução. Afinal, por mais que se conte com empresas renomadas, precisa haver fiscalização para saber se tudo está sendo feito conforme o combinado.

Outro ponto que pode ser acompanhado é a entrega e descarregamento dos materiais, especialmente se seu condomínio possui restrições de horário para a chegada de caminhões, por exemplo.

 

A comissão de obras pode, inclusive, criar uma escala entre seus integrantes para o acompanhamento da obra.

 

Se você é síndico, compartilhe este post com os condôminos caso haja alguma obra a ser feita no seu condomínio. É importante que todo mundo saiba que a obra é para todos, já que todos moram no condomínio!